Você já deve ter se perguntado:

    “Por que fazer estágio não obrigatório se eu tenho estágios obrigatórios para fazer no final da faculdade?” ou ainda, “Por que estagiar se meu curso de graduação não me obriga a isso?”.

Bom, para começarmos a refletir sobre essa questão, acho válido explicar a diferença entre estágio curricular não obrigatório e estágio curricular obrigatório, pois ainda muitos calouros não sabem:

  • Estágio curricular não obrigatório é aquele estágio que você pode fazer por livre e espontânea vontade, seja porque quer aprender a parte prática da faculdade, seja porque quer começar a ganhar seu próprio dinheiro, ou porque pretende já ir conhecendo sobre as áreas de atuação do seu curso, ou, além disso, porque precisa realizar atividades extras para complementar na carga horária de atividades do seu curso (algumas universidades exigem uma carga horária bem extensa com atividades extras como cursos, congressos, voluntários, etc.). 
  • Estágio curricular obrigatório como já diz o nome, você é obrigado a realizar para poder concluir a graduação. Normalmente o estágio é a parte prática de uma disciplina (mais conhecida como cadeira), e provavelmente você deverá apresentar algum trabalho para o professor dessa disciplina relacionado com o que você aprendeu no estágio.

Sendo assim, muitos jovens ainda pensam porque então eu vou estagiar sem obrigação? Ok, mesmo que alguns dos motivos que eu listei anteriormente ainda não sejam os seus motivos, vale refletir o seguinte:

Se você quer trilhar uma carreira profissional de sucesso, o quanto mais você conhecer sobre as diferentes áreas de atuação da sua profissão, quanto mais conhecimentos e habilidades você adquirir durante seus estágios não obrigatórios e quanto mais determinado e esforçado você for para atingir seus objetivos profissionais, mais perto do sucesso você estará.   

O estágio não obrigatório é extremamente importante para você adquirir mais vivência na profissão escolhida e poder quando estiver formado ter mais segurança sobre qual área que você quer se especializar, é praticando que você saberá do que gosta ou não. Além disso, obviamente que um currículo com estágios é super vantajoso para quem pretende ingressar em uma empresa no futuro e ser efetivado. 

Então se você concorda com tudo o que eu falei aqui e pretende se descartar profissionalmente em relação aos seus colegas, que tal acessar as vagas de estágio da ZUNA e se candidatar para o estágio relacionado ao seu curso?

Não espere chegar a hora do estágio obrigatório, o tempo está passando, o mercado é competitivo e sua trajetória profissional já começou no dia que você ingressou na universidade. 

Um grande abraço e boa sorte!

 

Marina Bello, Psicóloga Orientadora Profissional (CRP 07/23798) graduada pela PUC-RS, pós-graduada em Gestão Estratégica de Pessoas pela FGV e formada em Coaching pelo IBC. Presta serviços para jovens e adultos relacionados ao desenvolvimento profissional, como orientação profissional, recolocação no mercado de trabalho, transição de carreira e preparação para aposentadoria.

Precisando, é só escrever para: contatomarinabello@gmail.com